Resposta: O NERD desvirtuado…(?)


Este post é uma resposta ao O NERD desvirtuado… do pensotopia, mas pode ser lido independentemente. Boa leitura.

Fato: Nerd virou moda

Pergunta: Isso é ruim? Não.

É claro que é uma nova geração, diferente em vários aspectos, com material para todas idades e gostos, mas isso é diversidade, e algo de bom sairá dai.

Mas o Nerd classico ainda está ai, e estamos dominando o mundo, é tanto que uma das séries de mais sucesso da atualidade é The Big bang Theory, com 14 milhões de telespectadores!

Com certeza os adultos na década de 80 diziam que aquelas séries e desenhos animados eram uma merda, coisa de criança, e só lembravam de seus saudosos “Perdidos nos Espaços”, “Vila Sésamo” e “Terra de Gigantes”.

Hoje eu cresci e percebi que muito do que consumia na década de 80 realmente era uma merda, pouca coisa se salva mesmo. Mas isso de certa forma influenciou alguns dos melhores desenhos mais recentes, como O universo DC Animated (influenciado pelo filme “lixo” de batman), e Samurai Jack (que faz referencia a quase tudo que já existiu). Infelizmente tudo que é bom tem um fim (ainda bem!)

Acho que parte desse “problema” é que a mente da criança/adolescente é diferente da de um adulto, aceitam muito bem roteiros simples e lineares (bandido comete um crime e heróis vão capturá-los), impossibilidades físicas (sobreviver no espaço sem proteção), e misturas bizarras (magia com tecnologia). Tudo isso sem uma boa explicação é praticamente intragável para um adulto.

Quem sabe se daqui a 10 anos o pessoal vai ver Harry Potter (com suas de magia receita de bolo) e Crepúsculo (com vampiros que saem e brilham de dia) e dizer a mesma coisa, e é claro, vão criar coisas ainda mais espetaculares…

Então, o que hoje esta criando um novo publico Nerd, pode parecer uma merda para o publico Nerd mais antigo, mas amanhã pode ser a semente para novas idéias que criarão algumas pérolas mais adultas. Um fã de Harry Potter crescerá, e poderá criar um universo de Magia tão espetacular que cativará uma nova geração, como Star Wars foi em sua época. Ou um fã de Crepúsculo/Lua Nova verá que a idéia de vampiros brilharem durante o dia (andar de dia não é um problema, mas brilhar…) é tão bizarra, mas dará inspiração para conhecer Bran Stoker e Anne Rice, e poderá criar um universo sobrenatural e crível de terror tão espetacular ou mais que seus antecessores.

Crepusculo Vs. Harry Potter: Vampiros-Magos em Bervely Hills?

Apêndice: Outra série que realmente eu coloco no mesmo saco de Crepúsculo e Cia. é Smallville. Apesar de ter começado relativamente bem (com um pouco de barrados no baile demais para mim, mas até certo ponto explicável) começou a se repetir, caindo na mesma formula, e inserindo cada vez mais elementos  do universo DC de formas bizarras e intragáveis. É claro que ela prova que um ser invulnerável e onipotente pode ser viável em uma produção mais realista, ie. sem sunga vermelha por cima das calças, mas abusar da formula e não evoluir é um saco!

Advertisements

6 Respostas to “Resposta: O NERD desvirtuado…(?)”

  1. Antes de mais nada muito obrigado pelo prestigio de ter nos visitado, e principalmente por ter contribuido com um post interessante como o seu.
    Quando vi o primeiro filme da saga crepusculo junto com minha esposa imaginei se a autora da série de livros em sua adolescência não foi uma voraz consumidora de livros da white-wolf! =D
    Todo mundo começa de algum lugar não é?
    Entenda que a preocupação é de que a juventude deste momento esqueça a imensidão de obras e conhecimento produzidas até hoje. E que estão ai de graça, nos acervos de bibliotecas, nos sites do governo, entre outras fontes. E a partir da descoberta desta fonte: produzir! E não apenas ficar parado vitima da moda de consumo do momento.
    Abraço grande e seja sempre bem vindo! ^^

  2. guardiaodotesouro Says:

    Cara Smalville seria até legal se o personagem principal fosse uma “copia do Superman” mas tivesse outro nome… tivesse vindo de outro planeta que não fosse kripton…. não sou fã de Superhomem mas acho que a seria cuspiu no clássico do superhomen….

  3. “Infelizmente tudo que é bom tem um fim (ainda bem!)”

    Mas hein? oO

    Sobre Crepúsculo, já viu o que o Kevin Smith disse?

    Sobre o post como um todo: isso é o que eu chamo de “enxergar pelo lado bom”… xD~~

  4. @will figueredo: Não não vão esquecer, do mesmo jeito que quando tinha uns 18 anos parei e fui assistir Blade Runner, Star Wars… e sozinho. Buscar pelas referencias é algo que o verdadeiro fã fará.

    @guardiaodotesouro: concordo.

    @Bokken: 1 -> Tudo tem que ter um inicio meio e fim, se esse fim for adiado e adiado a qualidade cai e fica uma merda. 2 -> Mas quando esse povo amadurecer eles irão procurar Entrevista com vampiro, e depois Bran Stoker, é ai onde está a graça 🙂

  5. é verdade faz sentido

  6. nao concordo,pois tem gente muito mas velha q ler harry potter, e o crepusculo,tem todo tipo de vampiro q que tem brilhar eu em eles ficam mais bonitos,obrigada e desculpe se eu paresce groceira é so q eu defendo o q acho certo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: