Corram, A Blogosfera RPGistica lotou!(parte 1)


Poderosa, mais um pouco gorda.

É isso ai, minha opinião é que a blogosfera RPGistica está bem inchadinha, e passou esses últimos meses comendo muito feijão com arroz, algumas lasanhas, e vários pães de queijo. Felizmente todas essas comidas fizeram bem a seu paladar, mas infelizmente fizeram mal a sua silhueta, e vê-la como um todo se torna cada dia mais difícil.

Agora saindo da metáfora (que parece ter ficado horrível e sem lógica 😦 ), a quantidade de Blogs está bem grande (já contabilizo quase 150 blogs no blog roll, incluindo os “inativos”).  Isso pode ser bom ou ruim. Apesar da qualidade ser geralmente boa, o que é suficiente para ter uma boa leitura, mas nem sempre para estimular jogos de verdade com elas. Falo isso por que acho que me incluo parcialmente (ou completamente) nesse bolo.

Vejo muitas matérias, algumas sobre o próprio blog ou a blogosfera (eu faço muito disso, na verdade estou fazendo isso exatamente agora, sou mesmo um crápula), outras sobre assuntos diversos, memes que já fizeram algumas vítimas pelo caminho, diários de campanhas… Acho que tudo isso chega a ocupar metade das matérias publicadas, a outra metade sim contem material para jogo (dicas, regras, aventuras, adaptações…).

Essa outra metade, de materiais para jogo, são os melhores posts da blogosfera na minha opinião, mas em muitas vezes não se encaixam em nada que alguém esteja jogando (tornando elas as menos comentadas), e mesmo que o jogo seja focado nessas matérias seria um jogo rápido, afinal uma campanha não é feita de um post apenas. Juntas essas matérias formam uma massa de coisas sem sentidos, lembrando aqueles comerciais toscos da MTV, onde uma coisa não tem nada com a outra.

Ainda acrescento uma nova característica negativa: Ela é praticamente uma comunidade de RPG de mesa, e ultimamente as mesas de RPG estão bem difíceis de ser alcançadas por mim (e provavelmente por outros jogadores), e quando eu começava a entrar no negocio do RPG virtual, a comunidade de blogs de RPG surgiu, e não preencheu esse vazio. Antes esse vazio era suprido pelos fóruns, e ainda é suprido pelo RPGonline, mas com o queda desses portais (exceto RPG Online), as campanhas que começavam a surgir sumiram.

É claro que temos pérolas na Blogosfera, com matérias longas, continuações, cenários bem elaborados, etc… Mas geralmente ficamos sem um verdadeiro foco, como em revistas, que mantêm uma continuidade ou tema em suas edições. É mais claro ainda que se pegarmos essas perolas, poderíamos sim criar uma conjunto coerente e jogavél, mas a custa de certa pesquisa, afinal tudo se encontra espalhado em mais de uma centena de Blogs.

.

Vou ficando por aqui com esse pensamento, que levei parcialmente para a lista de blogs e gerou 153 comentários, tentando passar a pequena frustração de encontrar coisas realmente estimulantes para o jogo. Creio que isso trará problemas, mas acho que existirá uma solução. E é isso que apresentaremos na próxima parte, aguarde.

continua…

Advertisements

17 Respostas to “Corram, A Blogosfera RPGistica lotou!(parte 1)”

  1. Exelente considerações! Mas acho que a própria seleção natural dos blogs vai fazer com que os melhores continuem. Quem tem material bom sempre vai ter seu lugar ao sol! 🙂

  2. Talvez fosse mais interessante pros blogs pequenos que estão surgindo agora procurarem uma parceria com um site já existente e começarem a mandar material pra lá, evitando 25.000 endereços com matérias muito “parecidas” todo dia, como o Dia do Mestre, ou aqueles Memes ;D

  3. Por isso surgiu a “Iniciativa 4e”, uma forma de juntar blogueiros com o objetivo de explorar o mesmo tema com posts relacionados num dia específico.
    Hoje mesmo, por exemplo, um mestre que queira explorar o tema “livros” na campanha vai poder extrair idéias de vários blogs diferentes.

  4. Pelo que entendi seu ponto seria criar um estilo único e coeso em toda a blogsfera de RPG, uma matéria dando continuidade a outra de outro blog para no final se assemelhar mais um livro que a uma revista de diversidades. Bem, é sua opinião, acho válida, mas não concordo. Para isso existe a Dragon Slayer e os livros de ambientação em geral, a blogsfera nunca vai substituir revistas profissionais. Como blogueira eu posto para me divertir, divertir os leitores e sempre que possível dar uma forçinha com filosofia de RPG. Ambientações, regras e adaptações são legais de vez em quando, e se eu preciso disso, sei onde procurar (Inominattus, Dados Limpos, .20, Covil, Undergroun Heaven), se eu quero notícias fresquinhas vou ao Área Cinza, se eu quero dicas e assuntos variados o Laboratório do Dr. Careca cumpre a função.

    Ou seja, sou plenamente a favor da diversidade, quanto mais eclético o conteúdo maior a quantidade de pessoas agradadas.

  5. Apesar do Portal de notícias, o principal foco do Portal RPG Online é oferecer um meio para partidas de RPG narrativo pela internet. Às vezes não percebemos o impacto que isso pode gerar para o RPG aqui no Brasil, mas já estamos planejando melhorias na nossa ferramenta, ainda em 2009. =)

  6. Eu não acho ruim esse “excesso” de blogs de RPG. Acho que, neste mercado, tudo “a mais” é bom. Cada blog novo vem com leitores novos (próximos do autor), que acabam sendo levados também para a leitura dos outros blogs. Todos ganham.

    Para organizar a bagunça, acredito que os agregadores já fazem bem a função. Cabe a nós divulgá-los mais.

    E, claro, não seria nada mal se a tal revista saísse, né? rs (Em que pé que empacou essa história?)

    E, sobre só falarem de RPG de mesa, tá esquecendo do Taulukko, é? rs Já estamos com 722 “neguinhos” cadastrados! Só falta uma ferramenta lá dentro para o pessoal se encontrar mais fácil, já que o fórum não supriu bem essa necessidade.

    🙂

  7. O lindo da Internet é isso: não tem limite de espaço, e não tem problema nenhum a existência de blogs esparsos e sem assunto, porque acabou aquele conceito de produtor->consumidor de material, todo mundo é as duas figuras.

    Não é como na imprensa, que existe um espaço fixo nas bancas, saca? O google é (mais ou menos) imparcial, e vai permitir qualquer um achar conteúdo que lhe interesse.

    Outra coisa é o histórico. Ao contrário de revistas, que vão pra gaveta, estragam, emprestamos, etc, os posts ficam pra sempre. Daqui a cinco anos, meus monstros e armadilhas ainda estarão lá disponíveis. Uma adaptação meio besta hoje pode ser útil amanhã.

  8. Também não acho que o grande número de blogs seja algo ruim. Inclusive porque muitos não se manterão no longo prazo, então quando mais melhor.

    Além disso, vale lembrar que blogs nada mais são que páginas pessoais, por isso cada blog conta com um forte tempero PESSOAL (i.e. diários de campanha, posts sobre o próprio blog, receitas, etc).

    Não dá pra cobrar mais do que isso deles.

  9. philsouza Says:

    Só um adendo. Memes em excesso sempre existirá. Não falta de criatividade, parece da natureza humana essas brincadeiras. Cabe a galera filtrar agora para que se espalhe pelos blogs memes de qualidade melhor.

  10. Cheguei do trabalho agora. aqui vai minhas considerações posteriores:
    Todos os comentarios realmente são validos, e concordo com quase tudo.
    Vou comentar da iniciativa 4E na proxima parte 😛

    Tenho sugetão para tornar a blogosfera mais agradavel aos leitores, mas vou pedir sugestões (da minha ideia e novas), afinal não sou o dono da verdade.

    Realmente a quantidade é otima, e a liberdade é imprecindivel, vou falar isso em breve.

    Obrigado a todos que comentaram e leram, e qualquer duvida, citica, reclamação ou sugestão estamos ai.

  11. Bem eu prometi e aqui estou eu!

    Eu acho que a proliferação de blogs é ÓTIMA! Não vejo um ponto negativo sequer. Se muitos blogs surgem com pouco material ou material de pouca qualidade, o próprio tempo derá cabo deles. Simples assim.

    Se o blog é novo, mas possui material de qualidade, é regular e interessante, não há jeito. querendo ou não, ele subirá, ganhará seu lugar ao sol e nós mais um lugar pra conseguir material. Simples assim também.

    O que eu acho é que precisamos simnos unir pra conseguir espalhar a blogosfera por aí. Acho que temos muito potencial de crescimento, basta trabalharmos para que isso se concretize o mais rápido possível. Simples assim mais uma vez!

    Abraços

  12. Concordo, mas vejo um possivel problema de retração.

    Blogs pequenos desestimulandos por verem blogs maiores, e quanto maior e desorganizada maior a chance para haver uma polarização.

    Claro se cresceu 100 e crescer mais 100, e depois se retrair para apenas 100 é melhor que crescer só 150 retraindo para 75.

    O ideal é cescer 200 (ou mais) e evitar retração, fazer com que niguem seja excluido e estimular os pequenos a crescer.

  13. Um outro adendo. Quem sabe o futuro esteja no fortalecimento de blogs novatos, na execuções de “Fusões”. Essa semana tivemos a primeira fusão da blogosfera (ao menos a primeira que chegou ao meu conhecimento), entre o PC Pronto e a Zona Neutra, resultando no RPG Virtual (http://rpgvirtual.wordpress.com/). Acho uma saída elegante, criativa e muito fortalecedora.

    Abraços

  14. Boa culpa desse enchimento são os ranks, o pop e o cinza. Todo mundo quer o seu blog entre os 1000 mais – não me leve a mal, eu tb quero – e por isso essa quantidade avassaladora de blogs. Enquanto é muito divertido ter opção de escolher e até mesmo sentir que esta perdendo alguma coisa importante por falta de tempo – coisa que não sei via nos tempos da revistas e dos mega portais – ela tem um custo estranho.
    Vamos ver como ela fica nos meses seguintes.

  15. Eu acho excelente a quantidade avassaladora de blogs que existem por aí na blogosfera. Para mim pelo menos, um blog serve para expor suas idéias sobre o que você quiser, se tem gente que ler, poxa é muito gratificante, principalmente se tem retorno, se não, é questão de tempo até aparecer alguém.

    Sobre os rankings, eu acho legal, dá uma certa competitividade, mas não é bom fazer isso subir a cabeça, pois é bem capaz de termos posts até repetidos, como eu vejo que acontece, principalmente com notícias. Eu não coloco notícias (como o DM day, a nova GSL, etc.) pq isso é papel para outros blogs. Acho que é bom termos conciência de uma coisa: por que postamos num blog?

    Uma coisa que acho interessante, no caso de matérias, seria um mega movimento para fazer uma espécie de livro virtual com vários materiais para mestres e jogadores (devidamente selecionados, claro) para ficar de fácil acesso para quem às vezes ta afim de um material. Eu mesmo faço isso no meu PC, pego alguns materiais que gosto e passo para o Word. O problema disso é ver como faríamos.

  16. Obrigado pela citação Mr. Pop.
    Bem, a idéia é justamente essa que o Pop citou, juntar o que ambos tem de bom e mesclar alguns posts para chamar mais a atenção do pessoal. Continuar com o nível de qualidade [pois devemos sempre lembrar que isso é só um blog. Pessoal e não profissional] e juntar o que ambos acham que estava dando certo.
    O PC pronto contava com uma boa visitação, mas tinha o problema de não ter materiais relacionados. Só personagens. E a Zona Neutra estava crescendo bastante [se levada em consideração as posições do Pop Ranking desde sua primeira edição], mas não tinha um assunto específico.
    A fusão vem como um meio de unir o útil ao agradável. Personagens para os jogadores e mestres, matérias sobre RPG e sobre os mais variados assuntos relacionados a esse tipo de cultura.

    Acho, sinceramente, acho que essa seria a melhor saída para o ‘enchimento desenfreado’ da blogsfera. Assim como disse o Armageddon lá na segunda resposta. Seria mais interessante, unir 4 ou 5 blogs novos e criarem um blog conjunto. Traria mais visualização [como esplicou a Maíra] e uma concentração maior de posts num único lugar. E sem contar que cada um pode dar seu toque pessoal ao blog, em cada post.

    Essa era a proposta inicial da Zona Neutra, mas não deu certo. Quando o Meyer me deu a idéia da fusão, eu adorei, pois esse é exatamente meu ponto de vista.
    Só tenho que me informar melhor sobre os eventos relacionados que acontecem do outro lado do país…
    hehehe

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: