Archive for the Devaneios Category

A Teoria Unificada Geral dos poderes do Superman

Posted in Devaneios, Humor, Quadrinhos with tags , , , , , , , , , on Janeiro 23, 2014 by rsemente

Boa noite galera, sobre os poderes do Superman gostaria de apresentar um excelente “artigo científico” sobre uma teoria de como os poderes do Supes funcionariam (segue o link e em anexo o documento).

http://www.qwantz.com/fanart/superman.pdf

Resumindo o artigo indica que ele só possui um poder: ser capaz  alterar a inércia de um objeto, ao toque e a distancia.

Logo, ele pode pegar objetos fora de seu centro de gravidade e não destruí-los, e desacelerar uma pessoa sem parti-la ao meio, como se criasse uma gravidade no objeto, i.e. a famosa telecinesia táctil. Mesmo assim o artigo não comenta como ele é capaz disso, nem a quantidade de energia que ele precisaria absorver para alterar essa inércia.

Mas para tentar elucidar uma teoria que se encaixe nos poderes do controverso herói eu mesmo criei uma nova teoria:

A Teoria Unificada Geral dos poderes do Superman

Resumo: Em adição ao excelente artigo A Unified thory of Superman`s Powers (2009), ele conseguiria alterar não só a inércia de objetos com massa, mas também alterar a energia cinética da luz.

O verdadeiro grande poder do Super Homem (a.k. Superman) consiste no controle da energia cinética tanto da matéria, quanto da radiação eletromagnética. Sendo assim ele poderia recolher a luz ao seu redor e absorve-la, sem necessidade de absorver apenas aquelas que incidem sobre seu corpo.Com isso a quantidade de energia total absorvida em um instante é dado pela a equação (1).

Et = Ep + E(Ee) * k – Ee            (1)

Onde Et é o saldo de energia absorvido em um instante, Ep energia absorvido por sua pele, Ee energia gasta para alterar a inércia da luz ao seu redor, E energia da luz que consegue atrair em função de Ee.  A única consideração que precisa ser avaliada com experimentos é o fator k, que é a relação entre a quantidade de energia de um fóton e a quantidade de energia que ele gasta para alterar sua inércia, que deve ser menor que a anterior.

Em um momento 0(zero) momento ele seria capaz de armazenar apenas Ep, em um momento 1(um) absorveria o indicado pela formula com Ee = Ep, em um segundo momento conseguiria absorver  o valor dado pela equação (2).

Et2 = Ep + E( Ep + E(Ee1) * k- Ee1) * k – ( Ep + E(Ee1) * k – Ee1)   (2)

Assim ele poderia conseguir aumentar em um fator k exponencial a quantidade de energia absorvida.

Sobre como ele consegue alterar a inercia de matéria e de energia, podemos considerar que ele de fato possa ter vindo de outra galaxia, e nela um outro tipo de matéria possa existir capaz de alterar a inércia, assim como nossa matéria pode “controlar” a gravidade. Bastaria então ele possuir essa matéria e ao ser bombardeada com luz amarela essa matéria seria capaz de absorver a energia (talvez  a frequência exata da luz amarela interfira com a matéria criando esse efeito).

Para controlar a inércia, o organismo do herói poderia, através de algum hormônio ou organela, ser capaz de gerar uma radiação vermelha, liberando assim essa energia de forma controlada, tornando-o capaz de seus incríveis feitos. A Figura 2 apresenta um relance da fisiologia interna do Super Homem, mostrando possuir órgãos bem diferentes dos nossos.

Figura 1: Órgãos internos do Super Homem (Superman 656).

Figura 2: Órgãos internos do Super Homem (Superman 656).

O único contratempo desse poder seria tornar a área a sua volta um pouco mais escura no espectro de luz amarela, o que poderia facilmente ser indetectável para os olhos humanos se ele absorve-se apenas uma certa porcentagem da luz amarela (cerca de 5%), o que poderia demoraria um pouco mais para acumular energia no seu corpo.

Como ele é capaz de absorver a energia mesmo sem toca-la, também seria aceitável ele ser capaz de alterar a inércia de matéria a distancia, poder nunca desenvolvido pela versão da linha principal, mas apresentado nos filmes dos anos 70 e 80 pelo Superman e pelos Kryptonianos, e também pelo Superboy original (Como podemos ver na Figura 2)

Figura 2: Telecnese desenvolvida pelo Superboy.

Figura 2: Telecnese desenvolvida pelo Superboy.

Para contribuir com a plausibilidade dessa teoria, Jor-El interpretado por Marlon Brando falou claramente que Kal-el atravessou 23 galaxias! Nós não sabemos nem do que é composto a matéria escura de nossa galaxia, muito menos a energia escura (que a despeito do nome é uma matéria) e que ao invés de desacelerar as expansão do universo acelera!. Então tudo ainda é plausível!

A Vida, O Universo e Muito Mais

Posted in Devaneios, Notícia with tags , , , , on Agosto 9, 2012 by rsemente

(Antes: A Vida, O Universo e Nada Mais)

Pois é pessoal, venho através dessa informar a vocês assíduos leitores do blog que estou retornando as atividades do mesmo.

Depois de um mês agitadíssimo finalmente estou me organizar para voltar a escrever alguma coisa por aqui.

Vários fatores contribuíram para criar esse vácuo temporal de quase um mês no blog, um dos principais foram os consecutivos furos dos jogadores na minha mesa de jogo, o que me desestimulou e muito a escrever qualquer coisa de RPG. Outro fator foi o SRMB, o concurso Seu Mundo na RedBox (que não passei para a quarta fase por conta de uns 20 “votos”), que me fez focar o mês reretrasado na resenha dos cenários concorrentes, e mês retrasado em coisas avulsas (por que estava escrevendo o cenário para a terceira fase).

Em seguida mês passado foi mais ou menos minhas férias, que parei para jogar uns dois joguinhos, o Marvel Avengers Alliance (no Facebook) e o Minecraft, e agora estabilize o tempo de jogo dos mesmos e posso usar o novo tempo extra escrevendo aqui.

Outros fatores foram a própria vida, com milhares de problemas e reviravoltas que só ela poderia ter.

Para o futuro pretendo continuar alguns projetos, e iniciar alguns novos. A lista de alguns desses está ai, colocados por ordem de probabilidade de realmente apresentar esse material aqui:

1) Finalizar a resenha do Space Dragon

2) Apresentar o material que fiz até agora para o SMRB,que podia ser visto lá mas não podia divulgar mais ativamente em outros cantos, como aqui.

3) Continuar a adaptação da Primeira Era de Tolkien.

4) Continuar a criação do cenário DC Crono Universe.

5) Apresentar um “Novo Cenário”.

6) Apresentar uma aventura nesse “Novo Cenário”.

7) Iniciar uma campanha online de RPG On-Line.

8) Gravar essa campanha e tentar editar para colocar como um novo Podcast.

É isso pessoal, espero que consiga retornar ao blog com o mesmo gás que estava a algum tempo atrás e vida longa e prospera a todos vocês.

Por que não escutamos sinais alienígenas?

Posted in artigos, Devaneios with tags , , , , on Junho 26, 2012 by rsemente

Vendo recentemente um post na Skynerd sobre o sinal Wow (esse da imagem) tive a idéia de escrever esse artigo (baseado em algum artigo que já li a muito tempo e em meus conehcimentos de engenharia).

Os céticos quanto a existência de alienígenas (visitando ou não a terra) tem como um dos principais argumentos para a não existência de E.T.s que nós nunca escutamos nenhum sinal deles no espaço. O por que disso nem os crédulos sabem, mas o melhor que podemos fazer é continuar escutando e tentar melhorar cada vez mais nossos sistemas de observação.

Assim como nós temos receios de nos comunicar no espaço, outros povos no espaço também podem ter, e ainda podem existir dezenas de fatores em uma transmissão interestrelar que podem fazer com que o sinal simplesmente chegue aqui como simples ruído (se for assim podemos estar recebendo informação extra terrestre e nem percebemos). Vamos citar quatro:

O primeiro é a distancia, O primeiro deles é a própria diminuição de potência do sinal não polarizado, onde decais em uma taxa do quadrado da distancia, então um sinal a 2 ano luz é quatro vezes mais fraco que um sinal a 1 ano luz, e um sinal a 1 Ano Luz é mais de 1 trilhão mais fraco que um sinal 1 UA (Distancia media entre a terra e o Sol), acredito que não há equipamento que perceba um sinal da terra a distancia da estrela mais próxima. Conseguimos ver as estrelas simplesmente por que sua potencia é enorme, e nem a radiação refletida por um planeta (que é uma luminosidade considerável) foi possível ser vista pelos melhores telescópios da terra (apenas conseguimos ver um efeito de refração, e apenas uma vez e recentemente). Para um sinal chegar até nós ele precisaria estar mirando em nós, uma transmissão coerentem como um laser, e que consiga ainda ultrapassar todo o material interestrelar, ruido e o que mais exista e chegar até nós com potencia suficiente para que percebamos com nossos radio telescópios insipientes.

O Segundo são os métodos de comunicação. Existem sistemas de comunicação que dependendo do equipamento que receba o sinal parecerá simples ruído (técnicas de espalhamento do espectro de frequência). Um sinal em frequências muito mais rápidas do que os dispositivos eletrônicos atuais simplesmente não será percebido por nenhum equipamento. O mesmo pode se dizer com sinais de frequência muito mais lentas, possivelmente usados em sistemas de comunicação para não ser escutado ou ultrapassar alguma dificuldade de comunicação interestrelar.

O Terceiro fator é que sabemos ainda muito pouco sobre o universo. Conhecemos bem apenas cerca de 4% da matéria, outros 23% são a chamada matéria escura, que permite que nossa galaxia seja coesa, e outros 73% são a energia escura que faz com que as galaxias estejam se distanciando. Não sabemos exatamente o que é a matéria escura, mas sabemos que ela está no espaço, preenchendo o vazio com algo que não conseguimos ver (talvez buracos negros quânticos), mas independente do que seja é possível que ela cause interferência em sistemas de comunicação através das estrelas.

O quarto fator é que simplesmente eles não querem, e se eles podem saber que nós existimos, evitar qualquer transmissão deve ser bem trivial.

Eu mesmo acredito que a viagem interestrelar é bem complicada, e mesmo que possível eles chegarem aqui eles simplesmente podem não querer se comunicar com uma espécie inferior que comete as atrocidades que cometemos. talvez eles já tenham chegado, realizado suas experiencias e dado meia volta quando começamos a perceber a desenvolver tecnologias mais elaboradas. Mas o que não é possível negar é que lá fora não exista vida, por que com o que descobrimos cada vez mais é só uma questão de probabilidade.

500 Artigos!!!

Posted in Devaneios, Notícia with tags , , on Abril 4, 2012 by rsemente

Boa tarde pessoal, é com muito orgulho que venho lhes dar a noticia de que foram publicados aqui no blog 500 Artigos (ou mais ou menos isso). Em sua grande maioria os artigos são de RPG, mas principalmente nos ultimos seis meses (ou um pouco mais) venho publicando mais contos, retornando aos artigos de RPG a pouco mais de um mês.

Foram cerca de 56 adaptacoes, 38 sobre cenários, 72 sobre cinema, tv, e videos, 112 contos, 99 noticias, dentro dessas 42 resenhas, 28 personagens e muito mais coisas.

É claro que nem tudo foram flores. Abandonei o cenário Guerras Draconicas a muito tempo, estou desistindo de publicar os contos semanais e diários (parei a duas semanas e niguém reclamou, significa que niguém está lendo :P), o Cenário/Sistema OMNI está bem parado assim como vários outras pequenos reveses.

Mas entre trancos e barrancos, doenças fatais, um ativíssimo e agora falante filho, cirurgias de alto risco, um mestrado e o início de um doutorado (e daqui a uns dois anos o final :) ) todos se salvaram e estamos hoje aqui. Temos vários novos projetos, como o DC Crono Universe, e a adaptação da primeira era do mundo de Senhor dos Anéis, além da participação do concurso da secular games e provavelmente uma nova série de matérias sobre o Rally Mortal, e o concorridíssimo concurso da Redbox.

Então é isso, daqui a mais 500 posts nos retornamos aqui para falar sobre o milésimo registro das experiencias nerds desse que vos fala.

Cenários de Fantasia Medievais: Não gosto mais! (Desabafo)

Posted in Devaneios with tags , , on Março 8, 2012 by rsemente

OBS: Texto escrito antes do concurso SMRB, mas que servirá como uma luva para esse momento.

Ultimamente o meu sentimento que mais cresce em relação ao RPG é o desprezo a cenários de fantasia medievalóides.

Isso por que me cansei dos mesmos arquétipos do mundo, poucos realmente inovam com Dark Sun, a maioria muda uma coisa ou outra (com magia no cotidiano, sem magia, sem elfos, com orcs “bons”…), mas tudo continua a mesma coisa: Guerreiro, Mago, Clérigo, Ladrão e suas variantes como classes, e Humano, Elfo, Anão, Halfling e suas variantes como raças, uma pá de deuses benignos, outra com deuses malignos e alguns deuses neutros para balancear o universo. Fora isso ainda tem o famigerado multiverso, com mundos “diferentes”, cheios de extremos e habitados por criaturas poderosas, como demônios, anjos e elementais.

O porquê do meu desprezo crescente é a mesmice, e a mesma falácia de mundo completamente inovador (você trouxe apenas 10% a 20% do mundo, e na maioria das udanças são em relação a nomes e formas, e acha isso inovador? me poupe). Por isso havia apenas um mundo de D&D que respeitava por ter sido o primeiro que tive contato, Forgotten Healms, mas depois que a Hasbro destruiu o cenário para “simplificar” e adaptar a sua nova edição de D&D isso mudou.

Hoje jogo uma campanha de Dragonlance, e estou gostando, mas é um cenário similar a Forgotten, só que muuuiiiito menor. Mesmo assim o maior fator que me faz gostar dele são os dragões, foi quando percebi que era um cenário basicamente igual ao que eu estava fazendo, o Guerras Dracônicas.

Então hoje não existe praticamente nenhum cenário que ache interessante jogar, e se eu ver um cenário com elfos, anões e halfling/hobbit, guerreiros, magos, clérigos e ladrões, eu passo.

Mas não me entendam mal, não acho de todo ruim, mas que se for pra ter o mais do mesmo eu fico com Forgotten Realms e não um novo cenário que terei que aprender um bocado de nomes novos e um novo mapa para poder jogar uma nova campanha.

Mas, pelo menos par mim, existe uma solução: Voltar à origem da origem!

OBS 2: Infelizmente a grande maioria dos cenários lá se encaixam nessa categoria, não existe grandes novidades, com exceção dos que eu já falei aqui. Os diferentes mesmos buscam inovar completamente, mundo geografia ao extremo, conceitos de raças… por isso digo que planejo voltar as origens (não para o concurso, mas para uma próxima campanha e série de posts aqui)..

GURPS Campanhas e um desabafo!!!

Posted in Devaneios, Notícia with tags , , , on Outubro 18, 2011 by rsemente

Um colega meu fez uma resenha sobre GURPS 4e após ler um pouco dos dois livros, e comecei a comentar um pouco sobre o que ele falou. Então aqui vai.

Primeiro os erros de tradução e revisão (é esse termo?). O processo de tradução realmente parece ser feito de forma um pouco amadora (a parte de RPG da Devir parece ser um pouco assim, pouca verba saca), se não me falhe a memória, quem pegou tudo pra fazer por amor ao GURPS foi o Otávio, e creio que só deve ter tido uma segunda revisão de alguém do D&D (pense só o saco que o cara teve de revisar um troço de alguém que acha ser só regra de cavar buraco – OBS: isso é um exagero meu).

A tiragem de GURPS é provavelmente muito menor que o D&D ou alguns livros da series da White Wolf (os que são poucas tiragens eles metem o preço lá nas alturas por que sabem que tem riquinhos góticos, isso ainda existe, que comprarão), por isso a escolha de fazer os livros em preto e branco. É triste mas 10 anos sem GURPS fizeram a base de fãs do sistema declinar bastante (pelo menos assim acho, depois de ver o livro GURPS Módulo Básico:Personagens sendo vendido em uma banca de revista qui de Natal-RN).

Tudo isso acaba por prejudicar bastante uma linha já prejudicada bastante pelo tempo, e que creio que com isso deverei esperar por uns 5 anos ou mais por uma reimpressão com as erratas e quem sabe colorida (sonhar é bom). Coisa que deveria levar bem menos tempo com uma edição mais caprichada.

Apesar desses problemas, minha maior reclamação é sobre a divulgação do lançamento. Vejam que só soube que tinham finalmente colocado a venda o Campanhas sexta-feira passada (03/10) por que um colega me avisou, não saiu nem na Lista da Iniciativa GURPS! (embora pelo menos dois dos participantes tenham publicado em seus blogs). Edit: ou seja, nem eles ficaram tão empolgados para repassar a informação para os colegas.

Então fiquei abismado como não soube da notícia, será que passei um mês inteiro em algum universo paralelo e voltei sem perceber minha viagem interdimensional?

Então parei pra procurar os sites que divulgaram o lançamento, e encontrei 10 sites. Foram publicações netre os dias 3 até o dia 9 de setembro, e o que publicou mais cedo não sabia o preço exato, na verdade poucos sabiam, é como se tivesse sido lançado e não estivesse a venda em nenhum canto, o que me leva a crer que ele só foi lançado de verdade lá pelo dia 7, e só uns 3 sites publicaram o lançamento com o preço de venda sugerido.

Por volta de julho e agostos alguns sites publicaram noticia de que o livro estava prestes a ir para gráfica, mas nenhuma informação mais concreta. É claro também que mais alguns sites aqui e acolá devem ter falado, mas putz, eu sempre estou dando uma olhada na budega da internet rpgística e não vi nada!!!!

Putz, eu que mestrei GURPS 4E dia 3/10, tenho esse blog de RPG, sou Engenheiro de Computação (só não fico 24h na internet por que perderia meus pulsos para a LER em uma semana) e só fiquei sabendo do lançamento da bixiga do jogo dia 14/10, mais de um mês depois do lançamento!!!

Quando lançou o GURPS Personagens vários sites fizeram promoções (até eu fiz uma promoção financiada por um premio em outro blog :P), agora não vi nenhuma, nem nos dragões do sol negro (ou seria no RPG vale, ou é pará?), nem nos Paragons, que são os blogs/sites que fazem mais promoções hoje em dia. Vi várias pré-vendas em lojas on-line, e dessa vez não vi nenhuma. E dezenas de sites publicando o lançamento, e agora só nove (não estou contando aqueles que deram a notícia meses atrás).

Ao meu ver a parte da propaganda da Devir é um lixo (e já ouvi isso de outras pessoas, de forma menos e mais ofensiva), parece que nunca ouviram a frase: a propaganda é a alma do negócio!

Se a Devir ainda se mantém como empresa (ou a parte do RPG como uma divisão dentro da empresa) de forma a pagar os custos e dar um mínimo de lucro, creio que poderiam ganhar pelo menos o dobro fazendo uma boa divulgação, fazendo circular e oxigenar os RPGistas que comprem seus livros (não digo que farão em sua maioria novos RPGistas, mas fariam retornar os antigos e fazer com que RPGistas de outros jogos despertassem curiosidade para comprar “aquele novo jogo”).

Devir, estou imensamente agradecido por lançarem um dos primeiros jogos de RPG que tive contato, e com uma qualidade que acho aceitável (para mim, mas para muitos outros que conheço não), mas por favor, invistam um pouco mais em propaganda. Se possuem apenas um funcionário (para propaganda de RPG), contratem dois(2)!!! Se não possuem nenhum, parem o RPG que estão fazendo já e cacem alguém do ramo agora mesmo!!! Se possuem uma equipe, demitam metade e contratem novos para a outra metade, incluindo um novo gerente!!!

PelamordeDeus, por que estáá f%#@!!!

Ao terminar quero pedir desculpa aos funcionários da Devir pela linguagem sarcástica e quase ofensiva que usei, mas que isso fique como um desabafo de um cliente insatisfeito com o serviço de propaganda e divulgação da empresa.

OMNI Desatualizado! (parte 1)

Posted in artigos, cenário, Devaneios with tags , , , , , , , on Fevereiro 10, 2011 by rsemente

Há alguns meses suspeitava que meu cenário de RPG, OMNI, provavelmente estivesse completamente desatualizado cientificamente, e hoje confirmei.

No inicio do cenário, por volta de outubro de 2009,  a base de OMNI, um cenário espacial, era abordar não apenas as estrelas próximas de nós, nem as estrelas em nossa galáxia, mas todo o universo. Logo de inicio tive um problema: Quantas espécies com tecnologia avançadas poderiam existir no universo?

A resposta era bem variável.

OMNI  Antes

Frank Drake foi o criador de uma equação que busca quantificar quantas espécies alienígenas civilizadas podem haver na via láctea. Utilizando a sua equação, Equação de Drake, e a alimentando com dados astronômicos e probabilísticos obtêm-se o numero de alienígenas inteligentes que podem estar do nosso lado (se é que 100.000 anos luz pode-se chamar de lado).

Levando em conta dados otimistas chegaríamos a um bom numero, suficiente para justificar um cenário tipo Star Wars ou Star Trek, levando em conta os dados mais pessimistas (ou realistas) chegaríamos a 1 ou menos de uma espécie em nossa galáxia, o que nos tornaria seres realmente especiais.

Para OMNI levei em consideração a pior estimativa, afinal com tantas galáxias no universo seria bem difícil conseguir lidar com bilhões de espécies, e ainda reduzi o número para comportar apenas espécies com capacidade de viagem intergaláctica.

Até o inicio do cenário as estimativas pessimistas eram parcialmente suportadas por três fatores: o Paradoxo de Fermi, a falta de dados, e as tentativas das religiões em manter o homem como um ser especial no universo.

O Paradoxo de Fermi

Enrico Fermi foi um notável físico, conhecido como nada mais nada menos como o Pai da Bomba Nuclear. Em uma conversa com colegas nos meados do século passado sobre UFOs, ele repentinamente perguntou “Onde eles estão?” e começou a fazer uma série de rápidos cálculos estimados, sua especialidade, chegando a conclusão que nós já deveríamos ter sido visitados a muito tempo a traz.

A partir dessa conversa foi postulado o famoso paradoxo que de forma simplificada é: Se deve haver tantas espécies alienígenas no universo, por que não existem evidencias de suas existências?

Sobre a suposta falta de evidencia, talvez seja apenas falta de tecnologia, ou de compreensão de nossa parte em identificá-los (ou talvez eles que não queiram ser identificados).

A Revolução de Kepler

Então chegamos no segundo ponto: Falta de dados. Quando comecei o cenário OMNI havia apenas cerca de três centenas de exo-planetas descobertos, e a grande maioria muito maior que a terra. Apenas 2 planetas tinham possibilidade de estar dentro da zona habitável, região ao redor de uma estrela que um planeta possa suportar água no estado líquido.

Felizmente, para a ciência, esse segundo ponto agora não é desculpa.

O telescópio Kleper foi lançado em 5 de março de 2009, com a missão de identificar novos planetas através de uma técnica que identifica a diminuição de luminosidade que um planeta gera ao passar na frente de sua estrela, por isso só consegue identificar planetas que passem na frente da estrela em relação ao telescópio. Os primeiros resultados da analise dos dados desse satélite começaram a sair esse ano.

Há algumas semanas os cientistas que analisam os dados no telescópio Kleper relataram a descoberta de uma estrela com 6 planetas em seu sistema, todos muitos próximos e alguns de tamanhos similares ao da terra. Quarta feira da semana passada (só que vi hoje), a mesma equipe disse que havia 1.235 candidatos a planetas (mais do que todos os exo-planetas encontrados até hoje) , sendo que 54 podem estar na zona habitável, e destes 5 possuem tamanho similar ao da Terra (até 1,25 vezes ao da terra).

O numero por si só é impressionante, mas fica ainda mais quando analisamos três das limitações do telescópio: Os resultados obtidos são apenas de dados entre maio e setembro de 2009, restando analisar dados até 2011, e os futuros dados que capturará até pelo menos 2012.  O telescópio analisa apenas uma pequena porção de nossa galáxia, consegue detectar estrelas com até 3000 anos luz, e um campo de visão de apenas 1/400 do céu, restando para analise apenas 156.000 estrelas no campo de visão do Kepler. E ele só identifica planetas que estão cruzando o espaço entre a estrela e o telescópio, restando muita vezes mais planetas que provavelmente não cruzam a sua estrela em nosso campo de visão.

Isso levou a seguinte declaração de um dos pesquisadores da missão: “O fato de que encontramos tantos candidatos a planeta em uma fração tão pequena do céu sugere que há incontáveis planetas orbitando estrelas como o nosso Sol em nossa galáxia.”

Infelizmente não possuo tempo para tentar alimentar as Equações de Drake com esses novos dados, mas tudo parece confirmar o “Principio da Mediocridade” .

O Principio da Mediocridade

Esse principio foi desenvolvido ao longo do tempo e, como resultado, culmina no conceito que não há nada de extraordinário na terra ou nos humanos.

No inicio o homem achava que a terra era única e que tudo no céu girava em torno dela. Depois descobrimos que nós que giramos ao redor do sol, e que além disso existem outros planetas em nossa vizinhança (e que até pouco tempo acreditava-se na possibilidade de haver civilizações avançadas). Descobrimos que existem muito mais estrelas do que achávamos que existia, e estas se organizavam em galáxias, e que também não estamos no centro de nossa galáxia. E observando todo o universo observável, também é provável que, se existir um centro no universo, não estejamos no centro dele.

Além do mais, assim como galáxias são comuns no universo, assim como estrelas são comuns no universo, agora confirmamos que planetas são comuns no universo, e que por conseqüência nos levará a conclusão que a vida é comum no universo, e provavelmente a vida inteligente seja comum no universo e em nossa galáxia, e até em nossa vizinhança. Isso tudo sem levar em considerações as evidencias de nossa mediocridade encontradas nos avanços das ciências biológicas.

Sobre o terceiro ponto não discuto aqui, e deixo para vocês a reflexão, mas acredito que o universo, e sua perfeição, é a própria prova da existência de algo superior, e não é o fato de não sermos únicos que não deixará de ser o que somos.

E Agora OMNI?

Essa é uma pergunta que ainda não tenho condições de responder, mas que pode nos levar a várias abordagens no cenário.

Acredito que o Paradoxo de Fermi é respondido por vário fatores: primeiro pela dificuldade em se viajar pelas estrelas. Segundo nossa tecnologia pode ser “primitiva”, incapaz de captar sinais que percorreram o espaço de forma clara. Terceiro nossa incapacidade de compreender estes sinais, pois assim como dificilmente entendemos métodos de comunicação de outras espécies no nosso proprio planeta, quem dirá identificar sinais de transmissão de outras espécies em outros planetas.

Mesmo assim em um mundo fictício onde a viagem mais rápida que a luz exista, não é muito realista que apenas algumas espécies tenham capacidade de viajar mais rápido que a luz. Se levarmos o Principio da Mediocridade em conta, se nós descobríssemos a viagem FTL (Faster Than Light, mais rápido que a luz), por que qualquer uma das outras milhares de espécies inteligentes nos milhares de planetas também não descobririam, se muitas tiveram muito mais tempo que nós para descobri-la.

Isso pode ser respondido com uma palavra: Singularidades.

Já falei um pouco sobre elas aqui, as singularidades são eventos que crescem em magnitude de forma exponencial, crescendo cada vez mais e cada vez mais rápido, até chegar em um ponto que o evento chega ao infinito, culminando em algo completamente diferente do que era anteriormente.

A singularidade da matéria são os buracos negros, a singularidade da computação podem ser as inteligências artificiais auto-aprimoradas, a singularidade da medicina é a imortalidade…cada singularidade ao ser atingida  muda completamente o mundo ao seu redor.

Visto isso, acredita-se que a criação de algumas singularidades, em especial a da computação, pode ser fatal para uma civilização.

Felizmente (ou infelizmente) esse conceito é a base de vários RPGs, em especifico o Eclipse Fase.

Então, para tentar solucionar o problema do cenário, podemos acrescentar como antagonistas as Singularidades no universo.

CONTINUA…

 

 

Vida e Morte Rpgista

Posted in artigos, bebe, Devaneios, Notícia on Novembro 18, 2010 by rsemente

Olá a todos!

Primeiro volto a me desculpar sobre minha ausência, mas este post está aqui para explicar tudo e um pouco mais.

Vida

Primeiro meu filho nasceu dia 05/11/2010, e como todo mundo diz, filho dá muito trabalho (e somando isso aos ultimas semanas de gravidez problemática de minha esposa  vocês podem calcular exatamente a escassez de posts no blog). Mas é muito bom!!!

Cara, é a melhor coisa do mundo, ver um ser humano diante de você, perfeito, inteligente (sim, eles são espertos), e com infinitas possibilidades, e coube a você gerá-lo, e caberá a você criá-lo, pra que ele cresça e escolha as melhores possibilidades para sua vida, e que o faça orgulhar para o resto da vida. É isso que torna  ser humano imortal, não morrer sozinho no mundo, sem contribuir em nada para que a humanidade melhore um pouco a cada dia.

Morte

Segundo é como a vida é tão frágil, graças a tudo no universo que os quase nove meses de gestação de meu filho deram 100% certo. Mas é triste quando isso não acontece. E isso aconteceu recentemente com amigos meus.

Toda vida é única, um arranjo de cromossomos que nunca mais irão se repetir da mesma forma, e uma vez deixando de existir o individuo jamais toda a potencialidade que ele poderia ter será vista novamente. Suas idéias esquisitas, sua maneira de ver o mundo, seu esforço para ajudar as pessoas, sua contribuição para o mundo. E tudo isso e muito mais deixa de existir quando alguém morre.

RPGista

E o que tudo isso tem haver com RPG?

É que certa vez na lista de blogs de RPG surgiu a discussão de como o bem (representado pelos heróis, geralmente com alguma coisa que os defina como bons, como o alinhamento ou uma desvantagem) é truculento.

Sim, quantas vezes um paladino do grupo deu uma chance para um vilão ficar vivo e se redimir? Ou o mago bondoso alguma vez prendeu um dragão para pesquisar uma magia para deixá-lo bom, e não para depois tirar suas escamas e fazer um item mágico? Alguma vez o clérigo já tentou “salvar a alma” de um demônio?

Então o jogador chega e diz: É muito mais fácil e rápido acabar com a vida do sujeito do que deixá-lo vivo para ter mais uma chance de cometer algum crime.

Sim é fácil, mas quem disse que é fácil ser bondoso?

Então, retirando a parte de outras “espécies” malignas, por que não deixar os humanóides vilões vivos para tentar um julgamento justo, penas alternativas (em um mundo com magia isso é bem viável, em D&D 3.x basta usar a magia missão e missão maior), e tentar a conversão do mal para o bem.

E digo mais, você pode incluir isso em seus jogos colocando a missão em um local onde é crime matar qualquer ser vivo, inclusive se esse ser vivo tenha matado muitos outros. Então o uso da força deveria ser moderado ao extremo, para evitar que o alguém morresse.

Isso em um jogo medieval. Em um jogo de super, essa deveria ser a regra, visto que o primeiro super nunca matava (Superman). Em um jogo moderno, provavelmente os jogadores, mesmo sendo membros da lei (como policiais), teriam problemas depois de matar criminosos repetidas vezes. Familiares poderiam acusá-lo de assassinato, principalmente se nenhuma prova cabal incrimine o falecido, incluindo a inexistência de testemunhas, como os acontece quando os criminosos se incriminam nos testemunhos.

Essa forma mais difícil e justa de fazer justiça deveria ser sempre a regra em um jogo, principalmente para ajudar a melhorar a visão do RPG perante a sociedade. Já pensou como é muito mais agradável a um pai ouvir “tento acertar o tiro na mão dele para desarmá-lo” ao invés de “vou dar um tiro mirando no olho dele, para matar de uma vez só”.

Política, Tropa de elite 2, e tudo mais…

Posted in artigos, Devaneios with tags , , , on Outubro 27, 2010 by rsemente

Hoje não falaremos de RPG. Estou com muita atribulações na vida e infelizmente meus hobbys tiveram que ser colocado a escanteio, por enquanto.

Assisti semana passada a continuação do famigerado filme Tropa de Elite: “Tropa de Elite 2 - O Inimigo Agora É Outro“. O filme é demais, não pela ação, que é tem bem menos que no primeiro, mas pela dramaticidade e por abordar o verdadeiro problema do país: a corrupção.

Desde  a mais tenra idade lembro de causos sobre a política brasileira. O primeiro e mais forte que lembro foi o caso Collor, que levou ao impeachment do mesmo, até hoje quando fazia a matéria não entedia os reias fatos por traz dos acontecimentos que levaram ao impeachment, mas resumindo: Fernando  Collor foi eleito presidente do Brasil em 1990 até 1998, seu partido era o PRN (Partido da Reconstrução Nacional) atual PTC (Partido Trabalhista Cristão). Foi apoiado largamente pela impressa, mas depois de acusações de seu irmão próprio irmão de usar o empresário Paulo Cesar Faria (O PC Faria) como coordenador de uma rede de corrupção que captava dinheiro do governo por meio de laranjas e de empresas da familia Collor. Essas acusações tiveram grandes repercussões, ele tentou rebate-las na TV, chamando a população a passeatas contra os adversários “golpistas”, que acusava de tentar dar um golpe no poder, mas o tiro saiu pela culatra e várias passeatas de jovens estudantes saíram a rua contra ele. Com isso, a imprensa começou a abandona-lo, e junto com ela outros políticos, o que levou a abrir uma CPI, e pela primeira vez conseguir apurar os fatos e chegar a uma sentença que foi a expulsão do então presidente. Pouco tempo depois o PC faria e sua namorada foram encontrados mortos, e o legista Badan Palhares

Collor já foi do PMDB, partido atualmente aliado ao PT. Mesmo partido que já teve em suas fileira o atual (2010) candidato a presidência do Brasil José Serra, atual é do PSDB. Collor é atualmente do PTB (Partido Trabalhista Brasileiro) e foi eleito senador em 2007, e finalmente em 2010 perdeu as eleições para governador de Alagoas.

Então veio Itamar Franco, vice de Collor, mas foi se afastando dele durante a presidência e entrando no PMDB conseguindo ser governador (1998) e senador (2010) de minas gerais. Durante seu governo ouve o caso dos Anões do orçamento, 18 parlamentares do PMDB que conseguiam dinheiro através de desvio de dinheiro do orçamento para empresas e instituições filantrópicas, e lavavam-no através de compra de bilhetes premiados.

Depois tivemos duas vezes Fernando Henrique (PSDB), para não citar em especifico as diversas acusações de corrupção, falarei apenas que a Policia Federal estimou que o grupo (formado pelo governo e apoio dos partidos PSDB, PFL, PTB, PP e parte do PMDB) girou mais de 2000 milhões, 2 BILHÕES de reais através do Opportunity Fund!!!

E agora temos Lula, do partido dos trabalhadores, o PT. Apesar de vários projetos de cunho social, principalmente na área de distribuição de renda, com suas bolsas ****, e, por experiência pessoal, na área do ensino superior, várias denuncias de corrupção ocorreram. O mais famoso foi o Mensalão, que era praticamente um esquema de compra de voto de deputados de vários partidos, dinheiro esse que vinha através do Marcos Valério e sua empresa de propaganda. Alguns foram punidos, muitos pedirão afastamento antes de qualquer punição, e culminou na separação de vários políticos do PT, como aqueles que formaram o PSOL.

Conclusão

Apesar de votar em Dilma, me parece que estamos sendo enganados de um lado e de outro, em uma eleição chapa branca. É claro que ambos os grupos políticos são relativamente contrários, mas parece em ambos valer um antigo ditado que é comentado no inicio de todo curso de direito (e provavelmente de humanas): Os fins Justificam os meios.

Eu não concordo com isso, e como forma de protesto escrevi esse artigo, e espero que vocês criem consciência, para cobrar, fiscalizar e fazer valer seus direitos, independente se estão fazendo coisa certa junto com a errada.

Por agora, enquanto a cena, ainda de ficção do filme Tropa de Elite 2, de ver um político entrando pelas grades de uma cadeia não se concretizar, temos que aprovar leis mais severas contra a corrupção, leis que não permitam escapulidas ágeis para se livrar da justiça, algo muito mais drástico que o projeto Ficha Limpa. Não adianta simplesmente impedir que eles entrem no poder depois do crime, temos inibi-los de cometer os crimes, evitar que não façam, temos que puni-los de maneira exemplar.

2 Anos de Pergaminhos Dourados!!!

Posted in Devaneios, Notícia with tags , , on Setembro 13, 2010 by rsemente

É isso ai pessoal!

730 dias, 11 horas, 38 minutos e 24 segundo aproximadamente que o blog está no ar. Desde 15 de setembro de 2008, estamos oferecendo matérias de todos os tipos, divulgando novos blogs, espalhando a cultura nerd no geral, e ajudando jogadores de RPG a jogar mais uma divertida partida.

Foram dois anos de atividade, com a verdadeira intenção de extravasar minha vontade de jogar RPG. É claro que não jogo nenhum RPG pelo blog, e infelizmente nenhum pela internet, mas aqui eu tenho um lugar para criar personagens com algum sentido, apresentar novos cenários que um dia poderia mestrar neles, discutir sobre novidades no RPG, sobre coisas nerds no geral, sobre o universo a vida e tudo mais!

Dos projetos que iniciamos, apenas continuamos com ela a coluna de Novos Blogs de RPG, que provavelmente ganhará uma irmã, a coluna de velhos blogs de RPGs, uma espécie de velho baú para aqueles blogs estão inativos mas ainda estão disponíveis na net! (Quem sabe assim o blogueiro não estimula a voltar a blogar?!?).

Outra coisa que pretendo desenvolver é um RPG para pais! Sim meu filho irá nascer até novembro, e tenho esperanças de jogar RPG com ele, mas de cara apresentar um emaranhado de números, textos enormes, entre outras coisas, por que não criar um RPG mais simples, quem sabe alguma coisa visual, com frases estilo alfabetização (O Gato é branco, a casa é grande…), e muitos gráficos para ligar uma coisa com a outra, e quem sabe uma criança com 5 anos já não possa jogar RPG?

O ano de 2009/2010 foi bom, infelizmente não conseguimos quebrar o record de visitas de agosto de 2009 (mais ou menos 13.000 visitas ao mês), mas creio que isso foi conseguido no ano passado devido a promoção. Mas chegamos perto, tivemos 12.000 visitas em três meses (setembro, março, e julho) nesse período.

Promoção!!!

Então para comemorarmos os dois anos de blog, e batermos o record de visitas mensais, teremos uma nova promoção. Ainda não sei qual, mas provavelmente valerá pelo menos um GURPS 4ª Edição!!!

Isso mesmo, faremos em uma escala menor do que o Paragons fizeram, definiremos algumas regras, provavelmente levando em conta uma forma de realizar comentários bobos de forma desenfreada, e depois um sorteio. A promoção não começará agora, quando for a hora (algum dia nessa semana) sairá uma matéria especial sobre a promoção, e teremos então 30 dias para os comentários bem embasados.

Singularidade

Posted in artigos, Devaneios with tags , , , , , , , , , , , , on Agosto 24, 2010 by rsemente

Hoje não falaremos sobre RPG, mas sobre um tema científico, na verdade mais para para o lado da futurologia, e muito abordado em vários RPGs que estou lendo no momento. A Singularidade.

Singularidades são eventos onde alguma coisa tende a crescer cada vez mais e mais até chegar em um ponto considerado infinito.

Por exemplo, A gravidade possui sua singularidade, quando a mais a massa um corpo celeste maior sua gravidade, e mais matéria ela atrai, o que aumenta a gravidade que por sua vez atrai mais matéria, esse ciclo continua até chegar a um ponto critico a singularidade da matéria, onde a gravidade é infinita ao ponto de atrair a própria luz!

Por que falar sobre isso, por que poderemos em algumas décadas vivenciar alguma singularidades (se é que já não estamos vivendo nela), e precisamos entende-las para evoluirmos junto com elas e não nos tornarmos os velhos que não entende o novo mundo.

A vida e o universo também possui suas singularidades.

Em planetas a maior singularidade é o surgimento de uma espécie evoluída o suficiente para desenvolver meios artificiais de sobrevivência e de evolução, com isso se torna automaticamente a espécie dominante do planeta, se desenvolvendo cada vez mais e mais, cada avanço estimula o desenvolvimento mais rápido de um novo avanço. Foi mais ou ou menos isso que ocorreu na explosão cambrina.

A fusão estrelar também pode ser vista como uma singularidade. Ao se colidir duas partículas com uma determinada velocidade elas se fundirão em uma nova partícula, e a energia liberada será maior que a energia gasta para realizar a fusão. Se usarmos essa energia para realizar mais fusão a saída de energia será maior que a entrada inicial, se mantermos essa realimentação (já que nenhuma energia consegue sair) a energia chegará a níveis infinitos, o que ocorre? Um buraco de minhoca.

Esse processo ocorre dentro de outra singularidade, uma singularidade da gravidade, os buracos negros, onde a energia gerada pela fusão e reaproveitada, gerando mais energia e por fim gerando um buraco de minhoca que é um meio que o buracos negros possuem para libera parte da massa antes de explodir e assim esvanecendo. Pelo menos é nisso que acreditam o pessoal do LHC, ao tentarem criar seus micro buracos negros e justificarem que eles não sugarão a terra.

Mas isso poderá ocorrer, quando existir um buraco negro devorador de buracos negros devoradores de buracos negros. Buracos negros devoradores de buracos negros existem no centro de várias galáxias, por ventura as galáxias se colidem, seus super-buracos negros se fundem. Agora se milhões de galáxias se fundirem em uma só? Criará um buraco negro devorador de super-buracos negros, e sua força será tão grande a ponto de consumir a energia liberada por seus buracos de minhoca! Isso é exatamente o fim do universo (segundo o que acreditam alguns cientistas, e o Douglas Adams).

E depois é claro virá um outro Big Bang, seguindo por um novo universo.

Calma amigos, não nos preocupemos, isso só deverá ocorrer daqui a trilhões de anos. o universo só possui um pouco menos de 15 bilhões de anos, ainda precisaríamos viver no mínimo cerca de 70 vezes a vida de nosso universo para vermos o fim do mundo.

Tudo isso foi só uma forma de explicar um outro tipo de singularidade que pode nos afligir em pouco tempo.

A próxima singularidade

Nós somos a singularidade da natureza, evoluímos e criamos a tecnologia. Cada avanço tecnológico ofereceu uma nova singularidade para o domínio do homem do mundo interno. Linguagem, Agricultura, Escrita, Metalurgia, Química, Mecânica, Física, Medicina, Eletrônica.

Assim como as estrelas e os buracos, singularidades cósmicas que podemos chamar de primeira ordem, elas são essenciais para a existência do universo. Mas e as singularidades de segunda ordem?

Cada uma dessas ciências foi uma singularidade, permitindo alcançar uma nova ciência, e por fim gerar novas singularidade. As novas ciências prometem novas revoluções. Robótica, Computação, Engenharia Nuclear, Nanotecnologia, Genética. Algumas ainda nem podemos imaginar como são.

Elas estão em um ponto de evolução, uma subida vertiginosa rumo ao infinito.

Será que como a singularidade de segunda ordem, elas poderão levar ao fim da espécie humana? O que surgirá de novo depois do segundo Big Bang humano?

O que cada uma delas mudará no mundo?

Algumas dessas novas ciências provavelmente gerarão um mundo de benefícios, como uma fonte de energia limpa e infinita, ou a vida eterna. Outras poderão criar o que podemos chamar de novos seres vivos: Nanos Robôs, Inteligências Artificiais, Humanos Evoluídos.

Ao principio cada uma desses novos seres poderão trazer uma novo mundo de vantagens, mas quando esses seres puder desenvolver seus próprios avanços, e de forma cada vez mais rápido entraremos de fato na singularidade de segundo grau, onde novos seres muitas vezes superiores a nós mesmos irão surgir.

Dentre esses novos seres os nanos robôs podem ser os mais perigosos, uma maquina que é capaz de se reproduzir sem freios, cada novo robôs poderá construir novos nanos robôs, gerando uma taxa de crescimento exponencial, podendo cobrir toda a terra, e consumindo todo o material que puder utilizar para construir mais dos seus. Um exército microscópico, que pode consumir montanhas, rios cidades e a própria humanidade. Ou simplesmente toda a tecnologia humana, parando quando transformar todo o metal em pura poeira de nano máquinas, deixando para traz uma humanidade sem tecnologia, em uma nova era das cavernas.

Um novo ser criado a partir de inteligência artificial é extremamente imprevisível. Se possuir as ferramentas necessárias (maquinas capazes de reproduzir novas maquinas, seja ela robôs ou nanos robôs) elas poderão ter um verdadeiro risco físico ao ser humano. Caso contrário elas poderão simplesmente se espalhar por todas as redes do mundo, utilizando recursos computacionais de maneira secreta, dominando a humanidade através da manipulação de informação, podendo fazer com que a humanidade se autodestruísse, nos manipulando como fantoches para seus propósitos, ou simplesmente desenvolvendo maquinas auto-replicantes e nos colocando para construí-las, tudo em segredo.

A terceira e ultima criatura da singularidade a principio pode ser nós mesmos, quando nos transformemos em seres humanos super inteligentes e imortais. Resta saber se os primeiros desses novos Homo Sapiens (ou Omni Sapiens como gosto de pensar) transformarão toda a humanidade em super-humanos, ou se, como fizemos com os Neandertais, nos predarão até deixarmos de existir. É improvável. É mais plausível que utilizem o que os criou para nos transformar neles, seja mudando as próximas gerações ou nos forçando a evoluir em uma evolução genética forçada (quem não gostaria de ser muito mais inteligente, forte, rápido e imortal?).

Isso é realmente acontecerá?

Estas situações são pura criação da imaginação. Acredita-se que existem algumas limitações físicas para o desenvolvimento de algumas tecnologias, como o limite de tamanho mínimo para os filamentos de componentes eletrônicos, antes para tornar um computador mais a idéia era reduzir o tamanho de seus componentes eletrônicos, fazendo com que a energia tivesse que percorrer uma distancia menor aumentando assim a velocidade e memória. Hoje os processadores tendem a aumentar cada vez mais para poder aumentar a capacidade de processamento. Felizmente o tamanho geralmente não é o limite, mas pode ser um impedimento que atrase a chegada de uma singularidade nas proximas décadas.

Mas os pregadores das singularidades acreditam que esses limites serão quebrados, se nós imaginássemos de fato como quebrá-los estaríamos bem perto da singularidade, ou seja, se nós imaginássemos como de fato quebrá-los não seriam limites. Como prova disso de vez em quando uma nova geração consegue quebrar limites de uma geração anterior. Antes as idéias de como voar eram utilizando ridículas asas artificiais, remetendo a lenda de Dédalo e Ícaro, fora isso era quase inimaginável para o homem quebrar a gravidade, hoje um dos principais meios de deslocamento é o avião.

Familia RPG!

Posted in bebe, Devaneios with tags , , , , on Julho 1, 2010 by rsemente

Olá galera, hoje ao invés de Novos Blogs teremos um “editorial” (mas na próxima matéria eles voltam). Isso por que muitas coisas mudaram na minha vida e terei que ir com um pouco mais de calma com o blog.

Não, não deixarei de postar, mas a freqüência já deu uma boa diminuída. A semana passada com o lançamento de GURPS foi uma excessão, para isso basta ver a semana retrasada sem nenhum post!

Por isso ao invés de três posts semanais diminuirei para dois. Mas não entrem em pânico!

Faço isso por pura e simples falta de tempo. Há três meses comecei um novo trabalho, e meu mestrado está em faze de conclusão, o que demanda muito mais tempo. Fora isso, até o RPG anda mais fraco na minha vida, o que dificulta a geração de novas idéias e até o gosto para fazer material: todo mundo que produz alguma já usou antes de publicar, ou gostaria de usar algum dia, se nenhuma das hipóteses são atingias, você fica sem motivação. Que é o meu caso.

Então ao invés de segunda, quarta e sexta, publicaremos na terça e quinta. Como fiz semana passada.

É claro que assim terei mais tempo para preparar as matérias e ainda teremos espaços para matérias extras, ou até seções regulares nos outros dias. Quem não gostaria de ler algum conto fresquinho toda semana na sexta feira?

E por fim é claro sou pai de familia, e que familia.

Pois é, meu nome é Rodrigo, da minha amada esposa, Priscilla, e de meu filho será Gabriel. Alguém percebeu a sutil relação nisso com nosso amado hobby? Deixa eu deixar mais claro: Rodrigo, Prisiclla e Gabriel!

Háháhá! Essa foi a coincidência mais impressionaste que eu já vi! e olhe que foi não foi proposital mesmo, foi até minha esposa que descobriu!

Acho que vou até fazer três camisas, uma com o R para mim, uma com o P para minha esposa, e uma com o G para meu pimpolho! Se conseguir essa façanha daqui a uns cinco meses coloco a foto sem falta!

Valeu galera!

A Vida, o Universo e O RPG!

Posted in Devaneios with tags , , , , , on Maio 19, 2010 by rsemente

Olá pessoal ultimamente ande um pouco ausente, semana passada foi só um post, mas tenho as justificativas, e no papo de hoje irei apresentá-las.

Primeiro completei 27 anos de percurso ao redor do Sol sábado passado (15/05). Isso me consumiu um pouco, festa no final de semana, preparação nos dias anteriores (compra de presente para outros aniversáriante e um chá de fralda)… e outras coisas mais que nem me lembro.

Da esquerda para a direita e de cima para baixo: Nayan, Arthur, Eu, Thomas, Manteda, Rafael e Marley

Da esquerda para a direita e de cima para baixo: Nayan, Arthur, Eu, Thomas, Manteda, Rafael e Marley

Mas segunda feira ganhei o meu presente de aniversário derradeiro: Eu e minha esposa realizamos o segundo ultra-som e além de sabermos o sexo (um menino \o/) soubemos que tudo está certo bem com o a saúde dele. Mas agora tenho um problema, e convoco a ajuda de vocês: Nome para meninos!

Sim, é bem complicado achar nomes para bebes do sexo masculino, e existe mais de um artigo sobre isso por ai, então quem puder dar sugestões de nomes bonitos e diferentes (pois os comuns a maioria já estão “ocupados”) agradeço.

Vamos a luta!

Segundo estou tentando escrever um grande conto, e estou achado que dessa vezes vai. Se passa no universo de OMNI, mas muito antes das coisas super fantásticas acontecerem. Ele já está todo estruturado, dividido em cerca de 19 capítulos, com o primeiro já finalizado. Quando tiver com o segundo pronto começo a publicá-lo aqui. Esperem e aguardem.

Quanto ao RPG, estou um pouco distante do mundo lúdico no momento. Primeiro muito trabalho, e pouco tempo, contagem regressiva para várias atividades muito importantes (termino do mestrado), em conjunto com várias novas (inicio do doutorado, concursos). O bom é que hoje terminei os testes para qualificação, logo devo terminar de preparar o documento esses dias, me livrando do que realmente estava me consumindo esses dias.

Então me esperem, que mais cedo ou mais tarde estarei voltando, e possivelmente com algumas novidades no blog.

Aulas, Descendentes, e tudo mais!

Posted in bebe, Devaneios with tags , , , , , on Abril 12, 2010 by rsemente

Boa tarde galera!

Pois é, agora mais do que nunca tenho novidades, e que de fato poderão atrapalhar o andamento do Blog, já que temos algumas novidades vamos a elas:

1) Quarta feira passada (7/04/2010) fiz uma prova didática para professor substituto da UERN (Universidade Estadual do RN) e passei (pior que concorri comigo mesmo :P). Agora sou professor substituto para o pessoal de ciências da computação, e hoje mesmo já dei minha primeira aula. A primeira coisa boa e o lado profissional, pois como quero seguir a carreira acadêmica isso é indispensável. Segundo é que terei menos tempo, sabe como é que é: estudar, preparar aula e corrigir provas… mas agente vai levando. Terceiro é que espero que no tempo que terei em Santa Cruz (darei aula um dia lá), ficarei de monho das 10:30 até as 12:00, o que poderei utilizar para escrever mais coisas (ou preparar aulas e corrigir provas).

2) Sexta feira fiz o primeiro ultra-som com minha esposa, e está tudo bem com nosso futuro filho. vocês podem confirmar pelas imagens a seguir 9em primeira mão):

3) Terminei domingo com o curso de especialização em Engenharia de Petróleo e Gás natural. Isso não irá alterar muita coisa por aqui, afinal de contas foi só uma disciplina que tive que pagar por ter reprovado por faltar para ir no casamento de meu primo.

4) Estou tentando terminar o mestrado, o que significa escrever a qualificação, colocar algoritmos para funcionar, realizar testes, e escrever a dissertação. Isso sim afetará as coisas por aqui, mas espero que não demore tanto, em Julho termine o mestrado.

5) Estou estudando para concurso do Instituto Federal de Educação, Ciência e tecnologia da Paraíba, ou simplificadamente IFPB,  e seu tudo der certo (mais uma vez), estarei visitando as terras dos pensotopianos e novos paragônicos mais vezes.

6) Pera ai, acho que não tem mias nada :P

Sim acabou, acha muito? Não é. Alguém disse algo assim (desculpem-me a falta de precisão): Para se obter a máxima eficiência de produtividade de uma pessoa é necessário que ela tente realizar o máximo de coisas ao mesmo tempo, pois por mais que ela não seja 100% em todas e falhe em alguma, o somatório de todas será maior que o total de apenas uma atividade realizada (que dificilmente chegará em 100%).

O que tudo isso significa? Que ainda estarei por aqui, mas não garanto nada, infelizmente :(, mas se tudo der certo, garantirei muito mais em um futuro próximo.

Obrigado a todos e até o próximo pergaminho dourado (espero que quarta publique mais alguma coisa dos Thundercats).

Fim do Primeiro de Abril, e devo confessar…

Posted in bebe, Humor with tags , , , , , on Abril 2, 2010 by rsemente

Sim, vou ser pai sim!

Peguei vocês duas vezes em uma meta brincadeira de 1º, como vocês acham que eu poderia ser um mal caráter de fazer uma brincadeira um dia antes? regras são regras certo?

Sim serei pai, e o Post anterior não estava errado.

E enquanto os agradecimentos anteriores agradeço a todos pelas congratulações, e manterei vocês informados quanto as novidades dessa minha nova faze!

Há, não se preocupem, tentarei continuar o blog normalmente, e só deverá haver uma pausa quando o meu descendente nascer (é claro!).

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 275 outros seguidores